Cultura

Igreja Matriz

Por Viaje Mais/Betina Neves

Com modestos 22 mil habitantes, Brotas já tem pousadas charmosas, eco-resorts, atividades de aventura seguras e superorganizadas, restaurantes que servem uma deliciosa comida caseira e até um cinema, que abriu há dois anos (obra do cantor Daniel, brotense de nascença e grande garoto-propaganda da cidade).

O point é a Avenida Mário Pinotti, onde ficam a sede das principais agências de passeios, restaurantes, bares e alguns casarões antigos que relembram o passado cafeeiro, vivido pela cidade antes de 1960. Passado considerado distante, já que hoje Brotas vive principalmente da cana-de-açúcar, das plantações de laranja e eucalipto e, como não poderia deixar de ser, do turismo. Isso graças à natureza, que foi generosa com os brotenses, um pessoal hospitaleiro e simpático.

Eles se orgulham da vida no município e não querem saber da loucura da cidade grande. E parecem ansiosos para mostrar “para o pessoal do apartamento e do shopping center” que bom mesmo é tomar banho de rio, fazer trilha na mata e ver cachoeira.

Veja fotos de Brotas